sábado, 30 de outubro de 2010

O cacarejar de circunstância e do costume

Já ouvimos isto muitas vezes desde Abril de 1974 e o país está cada vez pior com os neosábios da política, da democracia e da economia. Para onde nos levam?
Acordo OE 2011 “Vitória para Portugal e para os portugueses”, diz Catroga (SAPO) Foi por volta das 23h de ontem que Eduardo Catroga e Teixeira dos Santos assinaram ao acordo de viabilização de Orçamento do Estado. “O acordo foi uma vitória para Portugal e para os portugueses”, declarou neste sábado Eduardo Catroga. in sapo.pt

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

A Outra Face Oculta

As voltas do mundo.
O capitalismo investe no comunismo que explora o povo. Aí obtém mais valias. A nomenclatura comunista tem muito dinheiro obtido dos negócios com o capitalismo, acumula capital e é testa de ferro do capitalismo para sarar feridas nos países pobres da Europa ou em outro continente, explorados pelo capitalismo.
Afinal o comunismo é controlado pelo capitalismo e pelos senhores do dinheiro e dos negócios.
É outra máfia.
Para o capitalismo o dinheiro vem de qualquer sistema político . O que é preciso é vir.
Comunismo e capitalismo, a associação ideal com uma só cor e bandeira: dinheiro.
Dívida China está disponível para comprar dívida portuguesa (DE) A China manifestou-se hoje disponível para "participar no esforço de recuperação económica e financeira" de Portugal. in sapo.pt

Suportar as consequências do roubo

Estes e outros da cambada dos partidos políticos colocaram o país no fundo. Depois dos desvarios que fizeram e de se encherem, vêm dizer que temos todos de suportar as consequências.
Claro, os proveitos foram para eles, o pagamento da despesa é com o povo. Eles pagam, o quê e com quê?
-Com o que nos tiraram.
Agora aparecem em conjunto e falam em coro para parecer que sempre trabalharam para o país.
OE 2011 "Temos de fazer o que se impõe e suportar as consequências", diz Assis (DE) O líder parlamentar do PS saiu hoje em defesa da necessidade das medidas de austeridade do Governo no Orçamento.
in sapo.pt

domingo, 24 de outubro de 2010

E esta ?

Que crise?
Então este senhor, ponta de lança do PSD e ele também do PSD para discutir com o Governo o Orçamento do Estado para 2011, é contratado desta maneira!
Honestidade e coerência cívica acima de qualquer reparo.
Que falta de moral!
Mas não é só ele. Outros também andam a comer à nossa conta. Por isso estamos com a corda ao pescoço, embora os honestos governantes digam que se deve à crise internacional.
Pulhas!

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Cá andam eles a tratar-nos da Saúde

Vale tudo para desviar a atenção dos portugueses do atoleiro em que os políticos medíocres nos meteram. Cambada! Mafiosos! "Superbactéria" Risco em Portugal é «praticamente inexistente» (DD) O director-geral da Saúde garantiu que o risco de contrair a «super bactéria» é «praticamente inexistente», sublinhando que os viajantes não precisam de tomar outras medidas de precaução que não as habituais. In sapo.pt

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Este está a ser o quê?

Com esta conversa, tem um grande à vontade este tipo.

Então o partido dele PSD também não é responsável por este monstro da dívida do Estado Português.

Todos pertencem à mesma classe quadrilheira. Não têm vergonha nenhuma!

video

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

O Contador de Mentiras

Há quanto tempo este gajo nos anda a mentir e a enganar?
Qual crise internacional?
Temos governantes que nos andam a amedrontar com o papão da crise para nos irem metendo a mão mais ao fundo no bolso.
"Orçamento protege o emprego e o país da crise internacional, diz José Sócrates (Lusa) O primeiro ministro, José Sócrates, afirmou hoje que a proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2011 protege o emprego e o país da crise internacional." in sapo.pt

sábado, 16 de outubro de 2010

Querem melhor FMI ?

Os agentes nacionais já estão a executar ordens emanadas dos seus superiores para sugar o zé povinho. A ameaça já diz tudo da incompetência da governação. Ainda querem mais do que já levaram? Não há respeito pelo país nem pelo seu povo!
Se o Orçamento não for aprovado, entrada do FMI é inevitável (SIC) O ministro das Finanças deu explicações sobre o Orçamento do Estado para 2011 ao Jornal da Noite da SIC. Fernando Teixeira dos Santos diz estar convencido que se a oposição não permitir a aprovação do Orçamento do Estado, a entrada do FMI é inevitável.
Notícia sapo.pt

domingo, 3 de outubro de 2010

A brincar com os portugueses

Quando é para gastar em obras faraónicas, exceder orçamentos em obras públicas ou retirar direitos sociais à população fazem-se/dizem-se mais sábios que o povo.
Agora são tão ingénuos que depois de nos tirarem o excedente, querem vir buscar o que nos é preciso para viver e ter uma vida digna.
"PSD pede sugestões aos portugueses para cortar despesas do Estado (DE) O site - www.cortardespesa.com - é uma iniciativa do gabinete de estudos do PSD e pretende promover "um "brainstorming" colectivo sobre a redução da despesa" do Estado, explicou o presidente desta estrutura social-democrata, José Manuel Canavarro, à Lusa. "
in sapo.pt Como se os governantes - de qualquer partido político - sejam tão ingénuos, que não sabem onde se excedem em gastos supérfluos no Estado. Viva a festa à volta da mesa operatória onde as vítimas estão a ser dissecadas!